Educação e comunicação afetivas: para dançar ao ritmo da vida.

Em tempos de quarentena, a bióloga e educadora Débora Daltro traz sua experiência e como ela utiliza as ferramentas da Comunicação Não Violenta neste tempo tão novo, incerto e desafiador.